terça-feira, junho 08, 2004

Votar!

Acho que nunca pensei tanto em quem votar! Acredito que o meu voto faz a diferença e é importante por isso penso seriamente na minha escolha, vejo os tempos de antena, ouço-os na rádio e vou aos sites tentar perceber as suas ideologias.

As conclusões que tirei até agora:
- a esquerda preocupa-se mais com temas com os quais me identifico - problemas sociais, ecológicos, sem querer marginalizar ninguém;
- não existe um único partido de esquerda que me agrade na totalidade;
- os de direita usam palavras, que quando frequentemente utilizadas, provocam medo: nacionalismo, etnia, marginalidade...

se ao menos a frase fosse:
"o bom nacionalismo, aquele que cada um deve sentir, é o orgulho de todos sermos portugueses, debaixo do mesmo céu, compreendendo todas as etnias e dando um abraço fraternal, de Norte a Sul, para que pudéssemos acabar com a marginalidade que alguns sofrem ainda hoje..."