terça-feira, agosto 01, 2006

Fátima Letícia

A avó não a protegeu das outras vezes que a criança foi para o hospital. Ficou miraculosamente com condições agora? Será que o vínculo biológico é tão forte que nem os maus-tratos severos e abusos o cesse? Viva a justiça...

Desejo muito que esta menina seja feliz mas não tenho a certeza que este seja o caminho. Quando os pais forem libertados, haverá uma ordem cautelar que a proteja dos mesmos?

Fátima Letícia

A avó não a protegeu das outras vezes que a criança foi para o hospital. Ficou miraculosamente com condições agora? Será que o vínculo biológico é tão forte que nem os maus-tratos severos e abusos o cesse? Viva a justiça...

Desejo muito que esta menina seja feliz mas não tenho a certeza que este seja o caminho. Quando os pais forem libertados, haverá uma ordem cautelar que a proteja dos mesmos?